23 janeiro 2010

Momentos que ficam, outro que vão...

Não está perfeito, mas está sentido!
Já tem vários anos este desenho... Fiz-lo numa altura em que andava muito de bicicleta e onde passava muito ao pé desta quinta! Hoje, esta quinta está morta, assim como os meus dedos para desenhar, apesar de ter imensa pena disso! Quando olho para estes desenhos tenho tanta mas tanta saudade do meu passado, da minha infância... não que eu agora não seja feliz, pelo contrário... mas também o fui em tempos e há sempre marcas que ficam para a vida!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Não sei o que supor do teu silêncio. Escreve!(...)"
João de Deus