24 setembro 2011

Ábum de Sonho




"A Flor do Sonho, alvíssima, divina,
Miraculosamente abriu em mim,
Como se um magnólia de cetim
Fosse florir num muro  todo em ruína (...)"

Florbela Espanca, in "Livro de Mágoas"



Os álbuns de fotografias constituem grandes relíquias de uma vida encantada. Anos mais tarde, abrem-se, permitindo o recordar e o reviver de momentos, sonhos vividos! Talvez por isso eu goste que os álbuns sejam também eles, especiais! Este é um, de vários álbuns artesanais que costumo fazer todos os anos... Com as recordações encantadas que quero relembrar para o resto da vida :) Embora hajam as máquinas digitais, os cd´s e essas coisas do género todas modernas, continuo a dar preferência e valor à fotografia em si, palpável e brilhante e que eu posso visualizar a qualquer momento (...)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Não sei o que supor do teu silêncio. Escreve!(...)"
João de Deus