28 maio 2013

(...)

Há tanto tempo que não passo por aqui... Hoje deu vontade, tive um pouco de tempo e resolvi relembrar os tempos mais nostálgicos em que sentia uma liberdade imensa no meu corpo e escrevia.
Hoje sinto-me assim... a flutuar no tempo e de bem comigo própria, com os meu valores e com aquilo que sinto!
Por isso, fecho os olhos. Sonho. Sorrio. Sou Feliz!



Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Não sei o que supor do teu silêncio. Escreve!(...)"
João de Deus